“Caminhar com determinação e um olhar para o futuro: uma investigação sobre o contexto formativo na Vida Religiosa”

     A atual sociedade, plural e globalizada, está há algum tempo experimentando um esvaziamento gradual de sentido. A era da liquidez confrontou a metodologia usada dentro dos nossos ambientes eclesiais, principalmente o formativo, fazendo com que as Congregações religiosas devessem reorganizara metodologia para formar os religiosos(as) do futuro. O desafio de estabelecer diálogo entre a tradição carismática fundante da Congregação e a novidade exigente da atualidade , impulsionou não somente a reelaborar métodos e conteúdos formativos, mas questionou as áreas em que a formação deve insistir em cada etapa formativa.

     A Vida Consagrada interage e se expressa nas situações histórico-culturais de cada época e, seguindo a dinâmica da reciprocidade, influencia e se deixa influenciar. Portanto, o atual contexto sociocultural desafia os projetos de formação inicial e permanente a encontrar recursos inovadores para continuar sendo um sinal evangélico de profecia para a comunidade cristã e para o mundo. Isso põe em causa a ação dos formadores e das formadoras que devem, com discernimento e prudência, usar estratégias adequadas de formação sem esvaziar os conteúdos e significados consolidados da fé cristã e do carisma fundante da Congregação.

     Queremos que essa pesquisa seja uma oportunidade de, com os pés no presente, direcionar o nosso olhar para o futuro. Sabemos que os presbíteros e religiosos de amanhã são formados nas comunidades formativas de hoje. Podemos nos perguntar: quais são as características que emergem dos contextos formativos à Vida Religiosa? Quais são as pistas formativas que podemos elencar? Embora tenhamos que lidar com questões complexas do contexto formativo, focaremos nos aspectos que indicam caminhos de esperança.
Frei Vagner Sanagiotto, O. Carm. 

Like para o artigo Completo: https://bit.ly/2VTsBdM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *